CDN Peering e PNI - Brasil

De Wiki BPF
Revisão de 17h40min de 21 de outubro de 2019 por Fernando.frediani (discussão | contribs) (Adicionados Locais de PNI para Globo.com)
(dif) ← Edição anterior | Revisão atual (dif) | Versão posterior → (dif)
Ir para: navegação, pesquisa

Introdução

Esta página contém informações úteis para operadores de redes e ISPs com relação à solicitação de servidores de CDNs, estabelecimento de uma sessão Bilateral em algum dos IXs ou para a solicitação de PNIs nos Datacenters aonde ASNs, geralmente grandes geradores de conteúdos, estão presentes.

É importante destacar que as informações aqui apresentadas (ex: tráfego necessário para solicitar servidores de CDN) mudam de forma bastante dinâmica e de acordo com as regras próprias estabelecidas pelos próprios geradores de conteúdo, portanto este guia serve como referência para o momento que ele foi escrito ou atualizado pela última vez.

Um recomendação importante a ser feita é que antes de fazer a solicitação de servidores de CDN ou de um PNI por exemplo, é importante realizar uma avaliação detalhada do tráfego que o seu ASN troca com os ASNs desses geradores de conteúdo. Ferramentas como NetFlow e PeeringDB auxiliam bastante. Cerifique-se que você atende à TODOS os requisitos antes de fazer a solicitação, principalmente se possui a quantidade de mínima de tráfego para ser elegível. Esses servidores somente são enviados aos ISPs no caso das empresas de CDN verificarem que eles trazem benefícios para ambos CDN e ISP, caso contrário dificilmente serão enviados. Hospedar e manter um servidor de CDN é algo que demanda recursos do provedor como espaço em rack, portas de switch e principalmente um consumo razoável de energia elétrica por isso uma avaliação criteriosa é bastante importante antes de realizar a solicitação.

Outro detalhe imprescindível na hora de solicitar um servidor de CDN, Peering por Sessão Bilateral ou PNI é o IPv6. Devido à crescente importância deste protocolo algumas CDNs hoje em dia tem colocado restrições caso você não seja capaz de estabelecer uma sessão IPv6 com eles.Além disso caso você possua IPv6 em seu backbone porém ainda não está distribuindo para os usuários residencias e possui apenas CGNAT44 a maioria das grandes CDNs já possuem suporte completo à IPv6 portanto uma parte significativa do seu tráfego poderia estar fluindo preferencialmente em IPv6 ao invés de estar passando por equipamentos que fazem o GGNAT a um custo computacional maior além de ter a identificação do usuário facilitada em caso de uma solicitação baseada no Marco Civil da Internet.

A maioria das CDNs exigem que as informações sobre o ASN solicitante estejam atualizadas no PeeringDB portanto antes de solicitar é uma boa prática conferi-las.

Você pode acessar o URL a seguir para entender melhor o funcionamento de sessões Peering: Modelos_Interconexão

Última atualização - 10/10/2019

CDNs

As CDNs, normalmente baseadas em critérios próprios, definem condições em que um servidor pode ser enviado para ser instalado dentro do backbone de um ISP para otimizar a entrega de conteúdo para o usuário final. Isso é vantajoso para a CDN que melhora a qualidade na entrega do conteúdo, para o usuário final e também para ISP pois além de economizar no uso dos links de upstream são capazes de prover uma melhor experiência para seus usuários.

O tráfego atual de referência para solicitação de servidores de algumas CDN está na faixa dos 5 Gbps, porém existem condições que isso pode ser flexibilizado à depender da região e da disponibilidade de outros Trânsitos IP presentes serem capazes de distribuir aquele conteúdo. Via de regra em uma grande cidade ou região populosa é bastante provável que o valor de referência não seja flexibilizado pelas CDNs.

Akamai (AANP)

Facebook (FNA)

  • Banda mínima: 5 Gbps
  • Email: fna@fb.com
  • PeeringDB: https://www.peeringdb.com/net/979
  • Nota: O Facebook analisa apenas o tráfego trocado com o ASN solicitante e não de seus respectivos clientes de trânsito (demais ASNs). Também não considera possibilidade da soma do tráfego trocado com os ASNs desejando compartilhar um FNA em um IX Privado ou interconexão bilateral, independente de um contrato existente entre as partes.

Google (GGC)

Edgecast Verizon Digital Media (EC)

Netflix (OCA)

Azion (ANA)

SourceForge.Net

Microsoft

Peerings - Sessões Bilaterais

É possível também solicitar diretamente à alguns ASNs o estabelecimento de uma sessão bilateral através de algum dos IX onde ambos os ASNs estejam presentes (para saber mais consulte Modelos_Interconexão). Em alguns casos existe um tráfego mínimo para estabelecimento desta sessão, portanto sempre que possível verifique através de sistemas de monitoramento internos a quantidade de tráfego trocada entre ambos ASNs antes de fazer contato para solicitação de peering.

Na maioria dos casos os prefixos anunciados para os Route Servers são os mesmos anunciados na sessão bilateral, porém existem também casos onde isso pode ser diferente o que justifica o estabelecimento da sessão ou ainda para permitir ao ASN um melhor controle sobre os anúncios para cada um desses ASNs.Por padrão a sessão é estabelecida na mesma VLAN do ATM v4 e v6, a não ser que exista alguma motivação para que seja estabelecida através de uma VLAN Bilateral.

Também existem casos de conteúdos como a Microsoft que anunciou recentemente a saída dos Route Servers, portanto em casos como esses é necessário estabelecer uma sessão bilateral para que exista troca de tráfego direta entre ambos os ASNs.

Antes de solicitar o estabelecimento de uma sessão bilateral através do IX recomenda-se deixar a configuração pronta no seu roteador para agilizar o processo.

A listagem não exaustiva abaixo apresenta alguns ASNs que são conhecidos por estabelecerem sessões bilaterais no IX-SP:

Akamai

Edgecast Verizon Digital Media

Microsoft

Hurricane Electric

A Hurricane Electric oferece também Trânsito IPv6 gratuito através de sessão bilateral. Para solicitar envie um email para ipv6@he.net

LinkedIn

CloudFlare

CDNetworks

Azion

Twitch TV

Oath/Yahoo

Netflix

  • Banda Minima: 3Gbps
  • Email: peering@netflix.com
  • PeeringDB: https://www.peeringdb.com/net/457
  • Nota: De acordo com informação publicada no PeeringDB o Netflix anuncia os mesmos prefixos para os Route Servers do ATM e para as Sessões Bilaterais. Por isso não costumam fechar Sessões Bilaterais via IX a não ser em casos complexos de engenharia de tráfego e orientam os participantes a utilizarem as communities disponibilizadas pelo IX.br para manobrarem o tráfego.

Google

Facebook

Amazon

SoftLayer

RiotGames

i3D.net / Ubisoft

Twitter

Globo

PNIs - Private Network Interconnection

PNIs são interconexões privadas realizadas diretamente entre dois ASNs sem o intermédio de um terceiro (entenda PNI em: Modelos_Interconexão). Geralmente é um cross-connect ou golden-jumper entre os racks das duas empresas em um mesmo Datacenter onde ambas estejam presentes.No PeeringDB é possível verificar os Datacenters que as CDNs estão presentes e onde existe possibilidade de solicitar um PNI olhando na seção "Private Peering Facilities".

Uma das vantagens de um PNI é a de por se tratar de uma conexão direta não esta suscetível à possíveis problemas causados por exemplo na matriz de um IX aonde ambos ASN já trocam tráfego. Além disso por se tratar de uma conexão dedicada a banda toda disponível na porta é dedicada àquele tráfego entre os dois ASNs aliviando assim outras portas de peering para outros tipos de tráfegos.

Algumas CDNs embora grandes optam por não disponibilizar a modalidade de interconexão através de PNI restringindo assim à troca de tráfego através do IX ou através de um servidor de CDN que é instalado dentro do backbone do ISP.

Normalmente envolve um custo que é o do cross-connect ou golden-jumper que pode ser pago por uma das partes ou dividido igualmente entre ambas. Para que o parceiro ou você possa solicitar este cross, será necessário o envio de um LoA (Letter of Authorization) indicando que a parte remota está autorizando a passado do cabeamento em sua rack, caso você não saiba como criar esse LoA, verifique a sessão download do portal do parceiro ou solicite a seu parceiro um modelo, você também pode se basear neste exemplo fornecido pelo Google https://isp.google.com/static/downloads/LOA.pdf.

A listagem abaixo contém as informações em quais Datacenters é possível ter um PNI com algumas dessas CDNs:

Facebook

Google

Edgecast Verizon Digital Media

Netflix

Azion

  • Banda mínima: 5 Gbps
  • Email: peering@azion.com / noc@azion.com
  • Informações: https://www.azion.com.br/developers/peering/
  • Datacenters: Ascenty Campinas, Commcorp-BSA2, Commcorp-FNS1, Commcorp-PAE1, Equinix-SP3, Level 3 - Cotia, GVT - Curitiba, Globenet - Fortaleza, NIC-JD, PIX Adylnet-PAE, PIX G8 - São Paulo, PIX Vogel - Porto Alegre, Tascom - Salvador
  • PeeringDB: https://www.peeringdb.com/net/14511

Twitch TV

Globo